domingo, 8 de novembro de 2009

Papel de Parede. Será?

Oi pessoas!

Hoje não vou mostrar fotos lá de casa (até porque mudou pouca coisa, humpf!). Então queria aproveitar este post pra pedir a opinião de vocês: o que vocês acham do uso de papel de parede na decoração? Alguém tem? Já teve? Conhece alguém que tem? Nos ajudem, please!

Eu e o Ronald estamos pensando em usar lá em casa, em alguns locais chave: na cabeceira da nossa cama e em outros dois pontos. Mas só como detalhe da parede, não no cômodo inteiro, entendem?

Ontem (07/11/09) nós fomos em uma loja de decoração para ver uns papéis e ter noção de preço. É uma loucura! Existem tantas opções, nacionais e importadas, que a gente fica até meio zonzo! Mas sou obrigada a fazer um comentário com relação aos papéis de parede brasileiros (pelo menos os que vimos): parece que estamos uns 50 anos atrasados, com relação aos papéis importados! Explico: os papéis de parede brasileiros são meio plastificados, sem textura (sem graça ao "tato") e com estampas que parecem ter sido tiradas dos filmes americanos de antigamente.

Já os papéis importados... Nossa! Parece que você está tocando em um tecido, têm texturas macias e desenhos interessantíssimos! Coisa de primeiríssima qualidade!! O preço, óbvio, também é bem diferente: papéis nacionais custam cerca de R$ 100,00 o rolo, já os importados chegam a R$ 300,00 o rolo.

Abaixo, algumas fotos para inspirar:













Se você ficou a fim de comprar papel de parede, deixa eu dar mais alguns detalhes sobre o assunto:
* os papéis de parede são vendido em rolo;
* cada rolo tem dez metros de comprimento, por cerca de 52 centímetros de largura;
* usa-se cola para afixá-los nas paredes (ainda não sei quanto custa);
* aqui em Brasília um colocador cobra cerca de R$ 80,00 para colocar 5 rolos.

7 comentários:

Minhas inspirações disse...

Queridaaaa, olha sou completamente a favor dos papéis de parede... Aqui em casa ainda não tenho (ainda, isso porque estou em obras.... Mas, quando fui fazer o projeto da minha casa, fui ao escritorio de uma arquiteta que estava colocando, nossa, ficou demais, dá um charme ao ambiente, eu (mesmo não tendo) recomendo...
abraços, boa semana...

Pix disse...

Nego... :s Rsss

Dexa bunito pra qdo eu for ae!
:P

Abraço pros 2!

Nanda disse...

Olha, eu coloquei no meu quarto, exatamente na cabeceira e em uma outra parte onde pretendo colocar uma tv.

Adorei o resultado!!! No caso, escolhi um importado no estilo "palhinha" pra não enjoar.

boa sorte!!

Uma dica: no quarto de hóspedes, apliquei tecido na parede e o resultado foi muitooo bom!!! Se quiser, dá uma olhada no meu blog no tópico "eu e a parede parte II"

bjs

Márcia disse...

A minha opinião é a seguinte: papel de parede - um dia você enjoa. kkk Tive por 5 anos no meu quarto, ultimamente não aguentava nem mais entrar no quarto pra não ter que vê-lo, aff, no começo você vai adorar mais com o passar do tempo é terrível, ainda mais se for estampado que era o meu caso, floral, gastei uma graninha considerável pra depois cansar daquilo tudo. E para tirar da parede? vixi, arranca até o reboco. Mas se vai te fazer feliz coloque! Felicidades!

Amanda disse...

mas que rolo!!! hehehe

Adorei a postagem e saber as informações! Bjs

Anônimo disse...

Sugiro que ao invés do papel, vc use alguma das tintas da Coral que fazem efeito decorativo, tipo linho, jeans, metálico.... Acho o efeito linho muito bonito. Veja no site da Coral que tem os exemplos.

Anna disse...

Estou adorando seu blog tem tantas idéias do que estou procurando.
Volto em breve
beijos